07 junho 2007

panorâmica da parte leste central


3 Comments:

Anonymous Mr said...

Boa tarde
A Anete não para. E temos sempre coisas novas.
Sinto-me preguiçosa.
O dia passou e acabei por fazer muito pouco.
Mas valeu o dia - as malvas e os mimos e a calçada trouxeram quietude.
Fique bem.
E estamos quase a chegar ao Santo António. Os mandericos já imperam.
Não costumo festejar muito o Santo António. Acabo sempre por ir trabalhar.
Mas acho Lisboa uma cidade bonita. Cheia de luz e beleza.
Um resto de bom feriado.

7/6/07 18:45  
Anonymous Anónimo said...

Já fiz um comentário em que dizia que quem não gosta de flores também não gosta de crianças. Não me enganei e,quanto à Anete, acertei mesmo no alvo. Não há palavras para a qualificar. O seu bom gosto, a sua boa disposição ao encarar certas vicicitudes, a sua alegria mesmo quando está triste, a sua veia poética, a sua tenacidade, o perdão para aqueles que não merecem, enfim tantos predicados que hoje em dia raramente se encontram. Estou a ser franco, não estou a bajular , até porque pessoalmente não a conheço. FORÇA Anete. A vida são só dois dias. Um para nascer,outro para nos despedirmos deste mundo muitas vezes CÃO e cruel. bjs J.S.

7/6/07 21:46  
Blogger anete joaquim said...

JS
Olhe que parece que já me conhece desde menina!!!!
É exactamente por a vida já ser tão cruel, que acho que não a devemos complicar com ódios e tristezas inúteis. No entanto, há coisas que me entristecem profundamente, mas é engraçado: normalmente são aquelas a que as pessoas não ligam. Pelo contrário, acho um piadão a situações que a muitos passam despercebidas. Há quem goste de rir dos outros. Eu prefiro rir de mim mesma, com as minhas falhas, ingenuidades e fraquezas. É uma questão de humor!
Obrigada pelas suas palavras.
bjs

mr
Ontem, de tarde, também me deu para a preguiça. Não fiz nada, mas olhe, soube-me bem!
um beijão para os dois.

8/6/07 09:29  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home