10 novembro 2008

Afinal era outra coisa!!!!

Há dois meses que ando para aqui jogada, sem vontade ou forças para fazer nada. A solidão bateu bem forte e, confesso, tenho andado com uma depressão de que tem sido difícil libertar-me.
Para complicar as coisas, ou devido à depressão ou ao excesso de medicamentos que tive de tomar para controlar a ferida provocada pela picada de mosquito de que vos falei há tempos, voltei a ter uma crise de colite (há três anos que andava bem!) e lá foram quatro quilos só num mês.
Seguiu-se um cansaço profundo, esquisito e nunca antes sentido numa crise de colite. Varrer um quintal era o suficiente para me deixar de rastos. Andar, que é uma coisa que adoro, tornou-se um pesadelo. Tratar do jardim, nem pensar! Cheguei a pensar que estava com cancro!!!!
O coração também entrou na festa e toca de bater desalmadamente, todo o dia, como se estivesse mesmo aqui à flor do peito. Tanto me aborreceu que lá me decidi a ir ao médico de clínica geral e os exames comprovaram haver ali uma anomalia. Mandou-me ao cardiologista e tive a sorte de encontrar uma médica que, comprovando as anomalias cardíacas, teve o palpite de que tudo se devia à tireóide (ou tiróide). Os primeiros exames comprovaram que ela estava certa e assim se explicam os batimentos acelerados do coração, o cansaço, os problemas nos olhos e o inchaço no pescoço com que acordo todos os dias. Pareço ter papeira, só que já a tive em jovem.
Bem! Seguem-se mais exames clínicos para ir ao fundo do problema. Não se assustem, pois as alterações nos resultados dos primeiros exames são pouco significativas, pelo que penso que isto não deve ser nada de grave.
Confesso que estou mais animada. Já andava a pensar que tinha sido atacada pela preguiça, coisa que, para mim, que sempre tive uma genica dos diabos, me andava a aborrecer profundamente. Não ter forças para tratar da quinta desmoralizou-me ainda mais e tudo isto entrou em círculo vicioso e lá me fui deixando ir abaixo. Agora que a crise de colite já passou e que sei onde reside o problema é-me mais fácil levantar o moral. Já estava a ver que ia ser derrubada pela depressão. É da tiróide? Toca a atacá-la! Não é ela que me vai deitar abaixo!
Não vos tenho querido aborrecer com tudo isto. Problemas todos têm e era o que me faltava andar a atirar os meus para cima de vocês. Dentro em breve estou como nova. Prometo. Tenham paciência pelas ausências. Nem me tem apetecido vir aqui. Desculpem. Beijos a todos.

27 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Olá Anete, fico feliz por se sentir melhor, senti a sua falta!
Não me conhece, mas eu tenho espreitado o seu blog, quase todos os dias (LOL) e posso dizer-lhe que o adoro, quando se trata de plantas e animais (tb pessoas)gosto mt.
Tou a escrever a partir da cidade de Almada. Bjs e continuação das melhoras. Espero k n/se importe c/a intromissão.

11/11/08 16:55  
Blogger Cris Bolbosa said...

E tu és lá mulher de te ir abaixo? Eu sabia que havias de dar a volta por cima;)
Anete, vais ver que com a tua força de vontade essa tiróide volta a entrar nos eixos num instante, não a deixes mandar mais que tu!
Trata bem de ti, todos nos vamos abaixo (olha quem fala!;)), e por vezes estes periodos de silêncio até nos fazem bem. Mesmo que não deixemos de pensar nos amigos que fizemos, na expectativa que têm de ver novos posts, há algo que não nos deixa aparecer. Eu compreendo isso bem demais.
Em tempos tive um chefe que dizia: "quando um homem está em baixo, até os pássaros lhe c...em cima". E não é que tinha razão? Parece que as coisas más, negativas atraem coisas más, negativas.
Mas é fácil falar, não é? Ah pois é!
Não me estico mais, ainda nem respondi aos comentários no bolbos em flor, vim aqui toda contente porque vi que tinhas um post novo;)
Um beijão
Cris
E boas e rápidas melhoras:)

11/11/08 23:23  
Blogger anete joaquim said...

anónimo de Almada, agradeço a visita e é bem-vindo(a)desde que venha por bem. Logo que posso coloco mais fotos do jardim.


cris
De facto, nada melhor do que passar pelas coisas para as poder compreender nos outros. Não te fies muito na minha força. Desta vez fui-me mesmo abaixo. Sabes, gosto muito de estar sozinha, mas, pela primeira vez na vida tenho sentido o que é solidão. Antes, tinha os meus filhos junto de mim. Sempre me ocupavam o tempo e espírito. Agora, apenas as paredes me fazem companhia e não sou lá muito de andar na sociedade, em cafés e dançaricos. Enfim, culpa minha. Tenho de mudar, arranjar um grupo de amigas com quem sair de vez em quando. Isto de uma pessoa passar a vida apenas dedicada a marido e filhos e ao trabalho dá nestas solidões. Parece incrível, mas os meus únicos contactos sociais são com os meus colegas e com a minha família, que só vejo ao domingo. Andava deprimida. Com a doença a coisa agravou-se. Cheguei à conclusão de que tenho mesmo que vender esta casa e arranjar um apartamento. Já não tenho todas as forças para cuidar deste espaço e, além disso, num apartamento sempre temos alguém mais perto para nos deitar a mão em caso de necessidade. Bem posso morrer aqui dentro, que vai demorar até que alguém dê por isso.
Bem, o que importa é que estou melhor.
bjs e tudo de bom para ti. Também deste a volta por cima. A vida é mesmo assim.

12/11/08 19:16  
Blogger Espaço do João said...

Querida mana.
Quantas saudades tive dos teus comentários e das tuas belas postagens? Há o velho ditado que diz que não há bem que sempre dure nem mal que não se ature... Espero que aquela inergia vinda do teu interior não se perca. Não és mulher para te deixares ir abaixo. Esta semana estou juntamente com minha mulher a fazer de babY siter, pois os pais encontram-se na Holamda em Seviço. Sábado regresso a minha casa , mas a Fernanda só regresasa na segunda feura. A filhota vai até ao Brasil no próximo Domingo. Vou ter que vigiar a casota. Logo logo falaremos mais. Um beijinho nosso.

12/11/08 19:53  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite Anete
Já tinha muitas saudades da escrita da Anete.
E ainda bem que a saúde está a melhorar.
Eu imagino o que a Anete anda a passar. Mas descanse, descanse, descanse.
Chega a uma altura em que é preciso parar.
Estou a escrever género telegrama - estou também muito cansada e nem sei o que fazer. Ando atolada de papéis e a dormir 4 h.
Vamos sentir a falta da quinta mas acima de tudo eu quero o melhor para si.
Começo a achar que a Anete fica mais protegida num apartamento.
O melhor para si.
E também para todos.
Boa semana para o João.
Um abraço a todos.
Para a Anete um grande abraço.
Mr

12/11/08 22:49  
Blogger NELIO said...

Anete,vi novo post e vim a correr....
Então mulher!!!!??não há mais nada que não lhe chegue....
Realmente faz pena vender a quinta mas o que conta é a sua saúde e a Anete tem de olhar a isso....
Bem oxalá recupere logo logo,a Anete já estava magrinha e agora perder 4kl derrepente ,meu Deus...
Muita saúdinha da boa é o meu desejo,um beijão...

13/11/08 00:15  
Anonymous Anónimo said...

Olá Anete
Por vezes passo aqui no teu espaço, que tanta paz me dá, e desta vez fiquei triste de te saber doente. Em breve vou à Madeira e se quiseres podiamos-nos encontrar para tomar um café.
Ainda te lembras de mim? Sou a Ana Durão. A Alícia também vai à Madeira e sei que também te gostaria de ver. Seria tão bom rever-te.
Beijinhos e fica bem querida

15/11/08 20:20  
Anonymous Anónimo said...

Bom dia Anete
Um grande abraço de esperança em dias melhores. Principalmente saúde.
A tiróide é traiçoeira. Provoca muita anomalias no nosso corpo. Mas agora a Anete já sabe de onde vem o mal e com a sua força tudo resolverá.
E fiquei muito contente com a mensagem anterior.
Os amigos estão a surgir.
Um resto de bom domingo.
Fique bem
Um grande abraço
Mr

16/11/08 08:18  
Blogger goreti said...

Olá Anete, sempre visito o seu Blog, do qual gosto muito.
Não se deixe abater, td vai ficar bem, é tenho certeza que logo voltará ao seu jardim!
Melhoras!!!!!!!
Bjs

17/11/08 14:06  
Blogger Rubi said...

Querida Anete

Tu que já és magrinha perder quatro quilos assim...Bem ao menos já sabes o que é. Passei por aqui pois tinha saudades do teu jardim. Um beijo e melhoras

18/11/08 13:56  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite Anete
Espero que tudo esteja bem. Pelo menos com saúde. O resto sempre vamos resolvendo.
E a Anete bem merece uma vida calma, com paz e harmonia.
Ainda vou trabalhar mais um pouco e amanhã sairei de casa muito cedo.
Estou mesmo muito cansada.
Fique bem
Para todos muita saúde
Mr

18/11/08 23:38  
Blogger Ana Ramon said...

Também passei por cá. Vinha à procura de mais notícias e mais fotos.
A notícia não é das melhores, mas há períodos assim nas nossas vidas em que parece que tudo vai mal. Mas depois as coisas vão-se compondo e voltamos de novo à superfície e à alegria de viver.
Voltarei em breve para saber como vão as coisas
Um grande beijinho e os desejos de rápidas melhoras

18/11/08 23:49  
Blogger Diabinha Cusca said...

Dando largas à minha cusquice, passei por aqui à procura duma certa nina que tem mil e um motivos para sorrir :))*

20/11/08 08:39  
Blogger Espaço do João said...

Querida mana.
A tua falta já se está a sentir muito. Vem ter connosco, sempre haverá algo que te divertirá. Nem que seja a cusca endiabrada.Ela é uma doçura, a sua irreverente juventude faz-nos lembrar quando tinha-mos a mesma idade. Não te deixes bater. Sê forte pois dos fracos não reza a história.
Aproveitando desejo um bom fim de semana . Também para a MR pois não tenho otra maneira de comunicar.Ao nélio , parabénsá sua imaginação. Um beijinho e abraços João.

21/11/08 23:32  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite Anete
Espero que esteja melhor.
A Anete é uma lutadora e sei que irá enfrentar os dissabores que persistem a atacá-la.
Temos saudades suas mas a Anete tem direito ao seu silêncio.
Mas pense nas palavras do João.
Veja os blogues do João e do Nélio. Estão eum encanto.
Mesmo a correr tenho lá passado.
Tem sido um ano muito complicado e tenho andado numa correria.
A Ana Ramon, como sempre, merece uma visita.
Enternece - gostei e fiquei comovida com a beleza do seu último artigo.
Fez-me recordar alguns amigos.
Um grande abraço para todos.
Obrigada João pelos votos de bom fim de semana. E retribuo.
Fiquem bem
Mr

22/11/08 23:34  
Blogger NELIO said...

OLÁ ANETE ,VENHO AQUI DEIXAR UM BEIJINHO PARA A MR TAMBÉM CONTINUAÇÃO DE BOA SEMANA...

25/11/08 23:29  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite
Anete espero que esteja melhor. E descanse muito. Também merece.
Nélio muito obrigada pelos votos. Bem preciso. O tempo não dá para nada e tem sido sido um ano arduo.
Um grande abraço para todos.
E com muita esperança para a Anete de dias melhores.
Fiquem bem
Mr

26/11/08 02:50  
Blogger Roderick said...

Isso, com carinho e boa disposição ia lá.

28/11/08 13:49  
Anonymous lamy said...

olá Anete.
Pela sua ausência vejo que ainda n/se sente melhor para ficar um pouco connosco.Que pena, quando a saúde falta, falta tudo, mas tenha fé hão-de vir dias melhores. Não querendo parecer egoista, sinto falta de si, da sua escrita e do seu lindo jardim.
Espero que melhore depressa.
Peço desculpa de n/me ter identificado no 1º comentário, n/era essa a minha intenção, mas sou uma novata nestas andanças.
Beijos e boas melhoras... sou a lamy

P.S. o meu filho encontra-se aí em trabalho. As saúdades apertam!...
Almada (lamy)

28/11/08 14:45  
Anonymous Anónimo said...

Boa tarde
Olá Anete
Como está?
Espero que esteja melhor.
Cuide bem de si. Ânimo. Eu sei que não é fácil. Mas sei que vai, mais uma vez, sair de tamanha crise.
Para todos um bom feriado.
Um grande abraço
Mr

30/11/08 15:49  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite Anete
Espero que a ausência seja só para descansar e não por motivos de saúde.
Como está? Já tem os resultados médicos?
Estamos todos consigo.
sei que estamos todos em sintomia.
Precisamos todos de amigos e a Anete tem um blogue excepcional.
Tenho tido pouco tempo mas mesmo assim a correr tento entrar ora num ora noutro dos blogues que escolheu.
Hoje veja o blogue do João. O João à lareira, a camélia branca, o olhar tão terno do amigo fiel de João transmitem uma grande ternura.
Leia o comentário da Ana Ramon. São amizades históricas. E a Ana descreve de uma forma tão terna o amigo que ela não esqueceu.
Todos ou quase todos tivemos amigos por correspondência.
Para a Rose e para o Nélio votos de boa semana.
Devido ao trabalho vou espaçar a minha vinda. Mas não ficam esquecidos. É só mesmo devido ao trabalho.
Anete is meus desejos de rápidas melhoras.
Um abraço a todos.
Mr

1/12/08 21:35  
Blogger NELIO said...

Olá Anete espero que tudo esteja melhor...um grande beijinho e bom fim de semana,e para a Mr também.....

5/12/08 02:31  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite Anete
Como está?
Um grande abraço e votos de boa saúde.
Nélio obrigada pelos votos e retribuo. O melhor para si. Vejo sempre o seu blogue. É um blogue de referência. Tenho o maior apreço por si.
Fiquem bem
Mr

5/12/08 23:43  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite
A nossa Anete não aparece. Estou mesmo preocupada. Mas imagino o que sente.
Já tem os resultados médicos?
Anete faça o que lhe apetece. Nós desejamos que a Anete apareça mas a Anete é que sabe.
Vejam o blogue do João - tem sempre imagens bonitas.
E o simbolismo das camélias brancas. E as laranjas. E os fetos.
As cabrinhas - fez-me recordar as minhas tias - o presépio sem as cabrinhas não era presépio. Tenho muitas recordações dessa altura. Mas sei que continuam a vender as cabrinhas no mercado.
E o Natal está a chegar. O ânimo não é muito. Tem sido um ano terrível. Muita doença e mortes ao redor e complicações na vida de muitos amigos.
....
Entremos e depressa, em qualquer sítio,
porque esta noite chama-se Dezembro,
porque sofremos, porque temos frio...
....
Natal, e não Dezembro de David Mourão-Ferreira

Para todos boa saúde.
Rose que é feito de si?
E não se esqueçam - vão s.f.f. ao blogue da Ana Ramon.
Não deixa de ser um conto de Natal.
Para o Nélio e todos desejos de um bom feriado.
Um abraço
Mr

7/12/08 23:37  
Blogger DE-PROPOSITO said...

Deambulei por aqui.
E desejo-te saúde e muitas felicidades.
Manuel

8/12/08 19:04  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite
Anete venho desejar votos de melhoras.
Hoje fiz muito pouco - e acho que vou dormir angustiada.
Mas também era feriado.
Esperança por dias melhores.
Saúde a todos.
As maiores felicidades
Mr

8/12/08 23:53  
Blogger anete joaquim said...

MR
Angustiada por ter feito pouco? Não fique! Há aquilo a que eu chamo, as "preguiças de estimação". Também temos direito a elas, de vez em quando.
MUITO OBRIGADA pelas suas sempre ternas palavras. Já tenho os relatórios todos da cardiologista. Uma boa notícia: tenho o coração, em termos de músculo, todo geitoso. O problema, e era daí o cansaço e não da tiróide, são os batimentos irregulares. Um dos exames acusou 7.000 num dia. Fiquei na mesma e perguntei à médica o que é que isso significava. Ela respondeu que a partir de 30 por hora a pessoa está em risco de ter um ataque de coração. Basta uma emoção mais forte, um esforço a mais ou uma irritação. Ora, fiz as contas e no dia todo isso representava 720 batidas irregulares. Moral da história: tenho de ter cuidado. Mandou-me eliminar tudo o que tem cafeína, acabar com o cigarro e até chocolate preto estou proibida de comer. Excita. diz ela. Mandou-me acabar com a terapia hormonal, pois agrava o problema. A questão é que eu fazia terapia hormonal por causa da osteoporose. Vou ter de ir ao médico de medicina interna, para tomar outra coisa que evite que isto avance. Para piorar as coisas, bati com a anca numa mesa lá do trabalho. A semana passada passei um tormento de dores sempre que tinha de fazer um serviço a pé. Hoje, apesar de ser feriado, fui logo de manhã às urgências. Tenho "uma calcificação devido a alguma infecção", disse o médico. Deu-me uma injecção de corticóides, visto que anti-inflamatórios provocam-me colite ulcerosa. A coluna também anda toda torta e se as dores não passarem com a injecção que levei vou ter de fazer uma TAC para ver o que se passa com a coluna. Bem! É só dinheiro a sair.
beijinhos. Não se preocupe comigo. Isto vai!


Oi pessoal
Não vou responder a todos os vossos comentários.
De certa forma, espero ter respondido no post que está acima deste. Obrigada pelas vossas palavras e alento.

Ana Durão, ficarei contente de te rever. Aparece.

Nélio
Com que então magrinha, hem? Pois olha, já recuperei os quatro quilos que tinha perdido e até tenho mais dois. Isto é, num mês engordei 6 quilos!!!!!! Daqui a nada chamas-me "pote"! DEU-ME UMA FOME! Desatei a comer tudo. Doces, bem, fora uma quantidade de coisinhas boas que fui comprando, comi dois bolos de requeijão que fiz só para mim,ahahhahaha! Era o corpo a pedir recuperação. bjs


lamy
Obrigada. Espero que o seu filho esteja a gostar cá da terra. beijinhos

Ana Ramon
Obrigada pela visita e palavras. Tudo há-de passar. Felicidades.

rubi
Muito frio por essas bandas? Não vens passar o natal à terra? bjs

Já é uma da manhã! Tenho soninho! Beijos a todos os que não respondi.

9/12/08 00:49  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home