06 janeiro 2007

Barra de Maria


Na Madeira, entre o Natal e o princípio de Janeiro, há um fenómeno atmosférico a que os antigos davam o nome de "barra de Maria" ou "barra de Natal". Já poucos se lembram disto.
É aquela nuvem negra lá ao fundo, sobre o mar. Tem uma forma e consistências muito próprias. Começa sobre a montanha, no lado leste da ilha e vai-se inclinando em declive até à zona das Ilhas Desertas.
A nuvem tem um significado especial. Diziam os antigos que quanto mais densa e alta fosse e quantos mais dias durasse, maior seria o frio que viria a seguir.
Todos os anos a procuro e vou tentando transmitir este conhecimento que minha mãe me passou. Há quem ria e não acredite, mas a verdade é que, há três anos, a nuvem veio alta e muito densa. Nunca a tinha visto assim. Comentei, na altura, que esse seria um ano de muito frio e a verdade é que isso se veio a confirmar. Quem estava presente nesse ano e nos seguintes, quando voltei a chamar a atenção para a nuvem, tem vindo a acreditar nos ensinamentos dos antigos.
Pois bem! Hoje lá estava a nuvem. A sua leitura está um pouco confusa. Veio mais alta do que em muitos anos em que a vi, mas a sua densidade é mais fraca (tem algumas abertas pelo meio) e o seu comprimento é anormal. Nunca a tinha visto tão prolongada para além das desertas, com o seu fim quase a chegar ao lado oeste da costa sul.
Pode ser que ainda se esteja a formar. Ou pode, pura e simplesmente, querer dizer que não haverá tanto frio como nos anos anteriores, mas durará mais meses. A ver vamos.
Só tenho pena de não a ter conseguido filmar em toda a extensão.
Nota posterior: Reparem que, no dia 7, há evolução da nuvem. Ficou mais alta, mas continua com muitas abertas.

6 Comments:

Anonymous Mr said...

Boa noite
As minhas tias também falavam no manto.
Com a Anete vou recordando.
E as minhas raízes continuam.
Obrigada
Um grande abraço

8/1/07 19:41  
Blogger anete joaquim said...

Manto? Esse termo nunca tinha ouvido.

Achei piada há dias aos meus vizinhos da frente. São homens ligados à agricultura e disseram ao Paulo que, no dia 31 de Dezembro, esteve vento de norte "porque até as bandeiras voavam para sul". Logo, vai estar tempo de "nortada", disseram eles. O que significa que vai estar frio. Tenho de ir lá falar com eles para ver se recolho mais informações destas antigas.
O que sei aprendi com a minha mãe, que ainda guarda muitos destes conhecimentos. Acho piada e tenho pena que se percam. Por isso vou ensinando a quem os queira ouvir. Ainda bem que lhe recordo essas origens.
bjs

8/1/07 22:35  
Anonymous MR said...

Boa noite Agora também fiquei baralhada. Vi Barra e e escrevi Manto. Mas parece-me que conhecia também por Manto.
O importante é o não deixar cair no esquecimento. E ainda bem que a sua mãe transmite e a Anete divulga. E o seu blog fica cada vez mais enriquecido.
E é uma lufada de ar fresco.
Sempre o melhor

8/1/07 23:52  
Blogger anete joaquim said...

Deixe lá, mr. Manto também é lindo e é bem capaz de ter sido conhecido por esse nome. Veja lá se se lembra de coisas que as suas tias tenham dito e que eu ainda não tenha referido. Sempre vai contribuindo para enriquecer este seu jardim.
um beijo

9/1/07 09:46  
Blogger Lília said...

OLá Anete, esta da barra não me lembro, mas tenho uma recolha já grandita sobre as previsões populares do estado do tempo. Aliás, por coincidência ontem coloquei duas delas no blog http://o-rabo-do-gato.blogspot.com

Toca a espreitar. E depois quero saber se as conhecias.
Lília

20/1/07 20:23  
Blogger anete joaquim said...

Já vi e não conhecia, principalmente a do ditado do melro preto, quando canta em janeiro.
Sempre a aprender!!!!
O teu rabo de gato está muito giro!
bjs

23/1/07 14:36  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home