09 dezembro 2008

O cardeal e o novelo

Neste vaso vermelho coexistiam um novelo e este cardeal amarelo. Morreu o novelo, mas o cardeal, talvez por ter ganho espaço, renasceu.
Moral da história: mesmo na Natureza, por vezes, é preciso que algo morra para que outro consiga ter vida própria.
Posted by Picasa

2 Comments:

Blogger Espaço do João said...

Eu diria.
O clero e a plebe. Sendo os cardeais opulentos, já os novelos representam melhor a plebe que nós somos. O tempo encarregar-se-á de desfazer as diferenças. Iremos todos para o mesmo sítio, assim como viemos da mesma maneira... Fazes-me lembrar uma pequena parábola do "ser e não ser" :- Nunca fui pobre, algumas vezes não tive dinheiro.Ser pobre é um estado de espírito,não ter dinheiro é um estado passageiro. João

9/12/08 23:46  
Blogger anete joaquim said...

"não ter dinheiro é um estado passageiro. João"

DEUS TE OIÇA, João!
Está bem visto, sim senhor! bjs

13/12/08 00:40  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home